O goleiro Jefferson disse que está muito emocionado e ansioso com a despedida. Foto Vitor Silva SSPress/Botafogo

O goleiro Jefferson, do Botafogo do Rio de Janeiro, se despede do futebol em jogo marcado para a próxima segunda-feira (26), contra o Paraná. Ele disse ao blog que está muito emocionado e ansioso com esse momento.

Depois de 4 meses afastado por lesão no tórax, Jefferson deverá entrar no campo para a despedida. O departamento de marketing do Botafogo prepara homenagens à altura da trajetória do goleiro, que integrou a seleção brasileira e é tricampeão carioca, vencedor da Série B e soma 458 partidas, o que o coloca na condição de terceiro atleta que mais vezes defendeu o clube.

Jefferson está com 35 anos e decidiu largar as luvas de goleiro após refletir muito. “Confesso que agora a ficha está começando a cair. Está batendo um frio na barriga ao perceber que é o meu último jogo, no Botafogo, aonde fiz história, um grande clube. Vejo o Botafogo como minha segunda casa. É minha despedida do Botafogo, dos torcedores. Não é fácil. Eu sabia que uma hora isso ia acontecer. Estou bem emocionado, um pouco ansioso”, revela.

O goleiro pretende se dedicar à sua vida pessoal e aos negócios que iniciou em Rio Preto, cidade que escolheu para viver pela sua qualidade de vida e boas perspectivas para negócios. “Mas, estou também feliz porque é o que eu planejei. Vou curtir minha família, minhas filhas e vou abraçar a cidade de São José do Rio Preto. Não é a minha cidade natal, mas é a cidade de minha esposa (Michelle), onde decidi morar, aprendi a gostar. Já passei por várias cidades e Rio Preto me encantou mais para morar e investir. 2019 vai ser um recomeço na minha vida. Tenho a cafeteria (Beato cafeteria), que cuido como um filho, onde faço o que gosto. Vou me dedicar aos clientes, aos produtos. Tenho salas comerciais ali, um complexo novo, o Beato Business center”.

Jefferson pretende dar uma guinada e espairecer primeiro, antes de iniciar a rotina de empresário. “E vou viajar também. Vou parar de jogar na segunda e dia 16 já tenho um evento para ir, aqui no Rio de Janeiro. Vou poder representar o Botafogo. E me dedicar a projetos sociais em Rio Preto também. Quero fazer mais coisas pelas pessoas, com projetos novos e com minha família”, completou.

Para saber mais sobre a despedida do goleiro Jefferson, clique aqui.