Milton Homsi com os filhos: homenagem ao irmão Nenê Homsi.

No sábado 8 de julho pelo menos 2 mil pessoas devem participar da Feijoada do Nenê 2017, no Villa Conte, em S.J.Rio Preto. O evento este ano completa 25 anos e é uma homenagem ao colunista, que faleceu ano passado. Nesta quinta-feira (29) durante o lançamento da festa, realizado na loja The Original, conversei com Marcela Homsi. Ela é sobrinha de Nenê e era a pessoa mais ligada a ele na família. Marcela ainda sofre a perda do tio e conta que sua morte foi uma surpresa triste para todos, pois ninguém imaginava a gravidade de seu problema de saúde. “Meu pai sempre falava, Nenê vai fazer exames, vá ao médico. E ele não dava importância”. Marcela revela que o tio era a pessoa com quem gostava de passar horas conversando. “Eu o amo muito. Sinto muita falta. Ele era tão doce, tão gentil. Meus irmãos diziam que eu era sua preferida, pois tínhamos uma ligação muito forte”.

Durante o coquetel de lançamento, o irmão de Nenê, Milton Homsi, contou ter surpreendido Nenê, quando há 10 anos decidiu vir morar com ele em Rio Preto. “Nós morávamos em São Paulo. Um dia liguei para ele e disse, Nenê vamos aí morar com você. Ele ficou surpreso, mas aceitou prontamente”. O resultado foram anos de convivência no casarão da família, no centro de Rio Preto. Milton é pai de Miltinho, Fabiana e Marcela Homsi. Todos compareceram ao lançamento da festa e acompanham os preparativos desta edição da Feijoada, que está sendo organizada em parceria com o jornalista Frederico Tebar.

“Escolhemos o Villa Conte porque era o lugar que tio Nenê mais gostava de fazer a festa dele. E esperamos que tudo saia como ele sempre quis, com muita gente, todos os nossos amigos e muita alegria”, afirma Marcela.

A feijoada terá a animação do sambista Ivo Meirelles, da Estação Primeira de Mangueira (Rio), do grupo Trem das Onze e da dupla Leo Minas e Raduan.

Para saber preços dos ingressos e onde adquiri-los, clique aqui.